Movimentos de planejamento de informações

Um grande movimento internacional tem surgido nos últimos anos com base na visão de utilizar informações para planejar a evangelização mundial. Conforme a visão de Carey [1] (apud KRAFT; KRAFT, 1995): “um cuidadoso e sistemático exame das necessidades humanas e oportunidades missionárias” tem sido feito no século XX por missiólogos como, Ralph Winter, David Barrett, Patrick Johnstone e outros, revelando, ao Corpo de Cristo, os lugares com maior necessidade do Evangelho e as áreas de grande miséria humana.

Em muitas partes do mundo, igrejas e organizações missionárias têm cooperado com o movimento que busca motivar o evangelismo e as missões direcionados às partes mais negligenciadas do mundo. Este movimento tem quatro focos: 1) grupos de pessoas não alcançadas; 2) cidades não alcançadas; 3) países menos evangelizados; 4) Janela 10/40.

Eles também estão desenvolvendo uma rede de pesquisa de alcance mundial para identificar as áreas de maior necessidade e avaliar o que tem sido feito até agora, tanto no crescimento da Igreja quanto na sua atuação na sociedade.

Para ilustrar como isso funciona, vale lembrar como o conceito da Janela 10/40 foi desenvolvido. Em 1990, os pesquisadores George Otis Jr. e David Barrett estudaram o mundo para tentar identificar em quais locais as necessidades espirituais e materiais eram maiores. Eles examinaram dados referentes aos percentuais de populações evangélicas, presença de religiões não cristãs, pobreza, sofrimento humano etc., para tentar localizar áreas nas quais o nosso inimigo, Satanás, mantinha as bases operacionais mais fortes em todo o mundo. Eles descobriram que a grande maioria dessas pessoas e das localidades mais necessitadas estava situada entre 10 e 40 graus de latitude norte, estendendo-se do Norte da África através da Ásia até o Japão, e esse cinturão foi rotulado Janela 10/40.

Informações específicas referentes a esta área começaram a ser divulgadas no seio das igrejas evangélicas e, como resultado, o Corpo de Cristo em todo o mundo tem estado motivado: a concentrar orações, em primeiro lugar; e a elaborar trabalhos evangelísticos e missionários para atingir essa área. Atuar na Janela 10/40 tem se tornado o maior esforço de mobilização missionária específica na história da Cristandade.


[1] KRAFT, L.; KRAFT, E. Espiando a Terra: como entender sua cidade. 1.ed. São Paulo: Sepal, 1995.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*