Principais formas de transmitir o ensino bíblico

Pesquisa sobre a principal forma de transmitir o ensino bíblico, revelou a metodologia mais utilizada na igreja para este fim.

Pesquisa sobre a principal forma de transmitir o ensino bíblico, revelou a metodologia mais utilizada na igreja para este fim.
Uma pesquisa encomendada pelo Instituto Alvo para o Departamento de Pesquisas da Sepal, servindo aos pastores e líderes, sobre a principal forma de transmitir o ensino bíblico, revelou que a metodologia mais utilizada na igreja para este fim, é por “temas” (65%) contra 19% que adota o ensino sistemático, 9% de forma indutiva e 7% por tópicos.

Conheça o material sobre estudo bíblico do Instituto Alvo aqui

Um outro dado curioso da pesquisa, ao questionarmos: sua igreja possui um currículo para Ensino Bíblico, 42% respondeu que não possui, contra 58% que respondeu afirmativamente.

Conclusões da pesquisa

Isso reflete um sério problema no ensino da Palavra de Deus, já que a Bíblia não é uma enciclopédia que acessamos por verbetes, e sim a narrativa da história da revelação de Deus ao homem, com começo, meio e fim. O resultado deste estudo nos mostra porque uma infinidade de crentes não é capaz de estabelecer conexões importantes entre o Antigo e o Novo Testamento.
Um número expressivo de igrejas não percebeu, ou ainda não sabe como desenvolver um projeto de ensino bíblico de longo prazo – que defina o caminho de onde o aluno sai e aonde ele deve chegar. Em muitos casos, a matéria a ser estudada é decidida pelos professores, a cada dois ou três meses. Esse cenário contribui para a falta de conhecimento estrutural da Bíblia.


Por Marcos Soares, diretor do Instituto Alvo

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*